Como tratar as bolhas

0 1.171

Aprenda a preveni-las e saiba qual a melhor forma de as tratar

As bolhas traduzem uma elevação da epiderme, a camada mais superficial da pele, que é normalmente acompanhada por um líquido.

Podem ser provocadas por agentes ambientais (como o calor e o frio) ou por agentes locais, como produtos químicos ou atrito, originando queimaduras de primeiro, segundo e terceiro grau.

Descubra de seguida o que deve fazer de acordo com o tipo de bolha. Se quiser saber já se deve ou não procurar ajuda médica, clique aqui.

Bolhas causadas pelo calor

Quando as bolhas são provocadas pelo calor (através do contacto com o fogo, objetos quentes ou água fervente) são geralmente classificadas como queimaduras de segundo grau, uma vez que atingem a segunda camada da pele (derme).

A pele revela-se seca e com um tom avermelhado, formando-se bolhas, situação que pode ser prevenida, por exemplo, com um gesto tão simples como usar  pegas próprias sempre que se segura em utensílios quentes.

Como agir

– Arrefeça a pele aplicando água corrente ou soro fisiológico na zona afetada, até que sinta alívio na dor ou ardor.

– Após o arrefecimento, coloque uma compressa húmida com água ou, preferencialmente, com soro fisiológico na zona afetada. A compressa vai proteger a ferida e evitar complicações. Se tiver acesso a uma farmácia, compre uma gase gorda e aplique-a. Esta inclui uma percentagem de antibiótico que vai aliviar a dor.

Erros a evitar

– Aplicar creme hidratante, pasta de dentes, óleo ou manteiga. Podem originar graves infeções.

– Rebentar as bolhas. Se o fizer estará a provocar uma ferida e a abrir uma porta para a infeção.

Bolhas provocadas pelo frio

Também as queimaduras provocadas pelo frio, designadas geladuras, originam bolhas.

Trata-se de uma lesão provocada pela congelação local da pele e tecidos subcutâneos em que a pele revela-se, depois, rígida e com um tom esbranquiçado.

As geladuras ocorrem quando as extremidades do corpo, como mãos, pés, nariz e orelhas, ficam sujeitas a baixas temperaturas ambientais.

Se vai para uma zona fria com ocorrência de neve é pois importante que se proteja, usando calçado adequado, luvas e proteções auriculares e calçando dois pares de meias.

Como agir

– Proteja as zonas da pele afetadas com um agasalho e providencie o transporte para o hospital mais próximo.

Erros a evitar

– Mergulhar as zonas da pele afectadas em água quente. O aquecimento das geladuras vai causar-lhe dor e pode trazer complicações graves.

– Fricionar as zonas da pele afetadas.

– Aproximar as geladuras de uma fonte de calor direta

Bolhas causadas pelo atrito

Estas bolhas formam-se quando os pés contactam com a camada interna de calçado apertado e desconfortável.

Esta situação é frequente, por exemplo, quando as pessoas fazem grandes caminhadas, como peregrinações.

Para prevenir esse tipo de situação aconselha-se o uso de calçado confortável e meias, já que o pé se deve manter firme dentro dos sapatos.

Pode ainda polvilhar os pés e as meias com pó talco para reduzir a humidade e usar palmilhas ou almofadas para os proteger.

Como agir

– Lave a zona afetada com água ou soro fisiológico ou com produtos germicidas ou antisépticos.

– Proteja as bolhas com uma compressa. Se vai continuar a caminhar, proteja as bolhas com várias camadas de compressa e coloque algodão entre as compressas para almofadar a zona.

Erros que deve evitar

– Rebentar as bolhas. Se o fizer, está a provocar uma ferida e a abrir uma porta para a infeção.

Bolhas causadas por produtos químicos

Uma forma de prevenir este tipo de bolhas é manter os produtos químicos nas embalagens próprias para que se possam identificar facilmente.

Por outro lado, é importante que, sempre que manusear produtos químicos, use luvas e um fato apropriado de forma a proteger a pele do contacto com agentes químicos agressivos, habitualmente nocivos. Veja agora o que deve fazer ao seu pé caso tenha uma bolha provocada por um produto químico:

– Lave abundantemente a zona do corpo afetada com água corrente. Se o produto químico for sólido, retire todo o produto vertido, antes de fazer a lavagem. Mesmo em casos mais graves, antes de partir para o hospital ou procurar um médico, deve fazer esta lavagem.

[pro_ad_display_adzone id=”14968″]

Erros que deve evitar

– Rebentar as bolhas. Se o fizer, está a provocar uma ferida e a abrir uma porta para a infeção.

Fonte: http://lifestyle.sapo.pt
A responsabilidade editorial desta informação é da revista

O melhor da PortalEnf no teu Email...

Assina aqui a nossa Newsletter e recebe todas as novidades da PortalEnf!

Obrigado por assinar. Vais receber um mail... verifica a caixa de Spam!

Something went wrong.

Loading...
Share This Article:

close

Partilha isto com um amigo