Tipos de Insulina

1 42

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

insulina é a hormona que ajuda o açúcar da corrente sangüínea a penetrar nas células do nosso corpo, fornecendo, desta forma, o “combustível” para que elas produzam energia.

Pessoas que têm diabetes podem não produzir quantidades suficientes deste importante hormônio, ou então a insulina não é utilizada adequadamente. Nestes casos, um tratamento médico que requeira o uso de insulina é essencial.

Existem vários tipos de insulina de uso médico para o controle do diabetes. Elas são classificadas de acordo com o tempo que demoram para funcionar e pela duração de sua atividade no organismo.

 

Os tipos de insulina são:

  • Insulina de ação ultra-rápida
  • Insulina de ação rápida
  • Insulina de ação intermediária
  • Insulina de ação longa
  • Insulina pré-misturada

 

Vamos às definições de cada uma:

Insulina de ação ultra-rápida: suprem as necessidades de insulina para refeições ingeridas logo após a injeção. Normalmente são usadas em conjunto com insulinas de longa duração.

Insulina de ação rápida: suprem as necessidades de insulina para refeições ingeridas em um período de 30 a 60 minutos após a injeção.

Insulina de ação intermediária: suprem as necessidades de insulina por um período equivalente a meio dia (ou uma noite). Este tipo de insulina é usualmente utilizado com os tipos rápido ou ultra-rápido.

Insulina de ação longa: suprem as necessidades de insulina pelo período de um dia.

Insulina pré-misturada: é uma combinação de proporções específicas de insulinas de ação rápida e intermediária. Estas proporções são exibidas junto ao nome, em números que indicam a porcentagem relativa de composição – por exemplo, “50/50″ ou “75/25″. Esta insulina é normalmente utilizada duas vezes ao dia, antes das refeições.

 

A seguir, fornecemos os gráficos com os tempos de ação de representantes de cada um destes tipos. A coluna “Ativação” refere-se ao tempo que a insulina leva para começar a diminuir a glicemia. “Pico” é o período de atividade ótima da insulina. E “Duração” é o tempo durante o qual a insulina diminui a quantidade de açúcar no sangue, depois de injetada.

 

Insulinas de ação ultra-rápida

Nome comercial Ativação Pico Duração
Humalog ou Lispro 15 – 30 min 30 – 90 min 3 – 5 horas
Novolog ou Aspart 10 – 20 min 40 – 50 min 3 – 5 horas
Apidra ou Glulisine 20 – 30 min 30 – 90 min 1 – 2,5 horas

 

Insulinas de ação rápida

Nome comercial Ativação Pico Duração
Humulin R ou Novolin R 30 min – 1 h 2 – 5 horas 5 – 8 horas
Velosulin (bomba de insulina) 30 min – 1 h 2 – 3 horas 2 – 3 horas

 

Insulinas de ação intermediária

Nome comercial Ativação Pico Duração
NPH (N) 1 – 2 horas 4 – 12 horas 18 – 24 horas
Lente (L) 1 – 2,5 horas 3 – 10 horas 18 – 24 horas

 

Insulinas de ação longa

Nome comercial Ativação Pico Duração
Ultralente (U) 30 min – 3 horas 10 – 20 horas 20 – 36 horas
Lantus 1 – 1,5 hora não tem* 20 -24 horas
Levemir ou detemir 1 – 2 horas 6 – 8 horas Até 24 horas

* a insulina é fornecida ao organismo de maneira regular, estável.

 

Insulinas pré-misturadas

Nome comercial Ativação Pico Duração
Humulin 70/30 30 min 2 – 4 horas 14 – 24 horas
Novolin 70/30 30 min 2 – 12 horas Até 24 horas
Novolog 70/30 10 – 20 min 1 – 4 horas Até 24 horas
Humulin 50/50 30 min 2 – 5 horas 18 – 24 horas
Humalog mix 75/25 15 min 30 min – 2,5 horas 16 – 20 horas

 

 

[highlight]Veja aqui o nosso tutorial “Como aplicar insulina? (video)”[/highlight]

Fonte : diabeticool

O melhor da PortalEnf no teu Email...

Assina aqui a nossa Newsletter e recebe todas as novidades da PortalEnf!

Obrigado por assinar. Vais receber um mail... verifica a caixa de Spam!

Something went wrong.

Loading...
Share This Article:

close

Partilha isto com um amigo