Hematoma Subdural

0 141

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

 Hematoma subdural refere-se a um acúmulo de sangue na superfície do cérebro, sob o crânio. Os hematomas subdurais podem acarretar risco à vida. Geralmente são causados por uma lesão cefálica (na cabeça).
 
Existem dois tipos de hematoma subdural: agudo e crônico. Os hematomas subdurais agudos geralmente se formam devido a uma lesão cefálica grave. Os hematomas subdurais crônicos são causados por uma lesão cefálica menor. Um coágulo de sangue situado na superfície do cérebro também é chamado de hematoma subdural. De acordo com o departamento de neurocirurgia da UCLA (Universidade da Califórnia – Los Angeles), cerca de 20 a 30% dos pacientes recuperam parcial ou totalmente as funções do cérebro após um hematoma subdural (UCLA).

Causas

Os hematomas subdurais ocorrem quando uma veia se rompe entre o crânio e a superfície do cérebro. Quando uma pessoa sofre uma lesão cefálica grave, essa área pode se encher de sangue e causar sintomas com risco à vida. Isso é chamado de hematoma subdural agudo. É o tipo mais perigoso de hematoma subdural. Os hematomas subdurais agudos geralmente são causados por:

  • acidentes automobilísticos
  • um golpe na cabeça
  • quedas

Os hematomas subdurais agudos se formam rapidamente e os sintomas aparecem de forma imediata. Os hematomas subdurais crônicos são causados por lesões cefálicas repetidas. Isso acontece mais comumente com idosos que caem repetidamente e têm lesões cefálicas. Os sintomas de hematomas subdurais crônicos não são percebidos imediatamente e podem levar várias semanas para aparecer. Os hematomas subdurais crônicos são mais fáceis de tratar do que os hematomas subdurais agudos. Ainda assim podem causar complicações com risco de morte. Alguns hematomas subdurais crônicos ocorrem sem causa aparente.

Part 3 of 7

Sintomas

Os hematomas subdurais agudos causam sintomas imediatos. Entretanto, pessoas com hematomas subdurais crônicos podem não apresentar sintoma algum. Os sintomas comuns de um hematoma subdural são:

  • fala desarticulada
  • dores de cabeça
  • incapacidade de falar
  • perda de consciência ou coma
  • dormência (pode ocorrer em várias partes do corpo)
  • convulsões
  • problemas visuais
  • fraqueza

Esses sintomas são sérios. Se a pessoa apresentar dificuldade para falar, dormência, dores de cabeça fortes, fraqueza ou problemas visuais, será preciso ver um médico imediatamente.

Diagnóstico

O hematoma subdural pode ser diagnosticado por exames de imagem como tomografia computadorizada ou ressonância magnética. Esses exames proporcionam ao médico uma vista em profundidade do cérebro, crânio, veias e vasos sanguíneos. Também podem revelar a presença de sangue no cérebro. É possível que o médico peça hemograma completo. O hemograma completo mede a quantidade de glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas. Um nível baixo de glóbulos vermelhos pode identificar uma perda significativa de sangue. O médico poderá também fazer um exame físico para avaliar a frequência cardíaca e a pressão arterial como indicadores de hemorragia interna.

Part 5 of 7

Tratamento

O hematoma subdural agudo só pode ser tratado na sala de emergência. O cérebro pode se inchar devido à lesão cefálica, provocando um aumento da pressão na cabeça (pressão intracraniana). Se houver um aumento de pressão no cérebro, o cirurgião aliviará a pressão perfurando pequenos orifícios no crânio. Um procedimento cirúrgico chamado craniotomia poderá ser usado para remover um hematoma subdural grande. Geralmente, isso é feito para tratar hematomas subdurais agudos. Nesse procedimento cirúrgico, o cirurgião remove parte do crânio para que o coágulo ou o hematoma saiam. O hematoma é removido usando-se sucção e irrigação. Um orifício de trepanação também pode ser usado para drenar hematomas menores. Primeiramente, o cirurgião cria pequenos orifícios no crânio e coloca tubos de borracha neles. O sangue do hematoma sai através desses orifícios. O médico poderá prescrever medicamentos anticonvulsivos para tratar ou prevenir convulsões que possam ser causadas pelo hematoma subdural. Medicamentos também podem ser usados para tratar a lesão cefálica. Corticosteroides costumam ser prescritos para reduzir a inflamação no cérebro.

Complicações

As complicações causadas por hematomas subdurais podem ocorrer logo após a lesão ou depois que a lesão foi tratada. Estas são algumas complicações:

  • herniação cerebral (ou pressão no cérebro que pode causar coma ou morte)
  • convulsões
  • fraqueza ou dormência muscular permanente

A extensão das complicações depende da gravidade da lesão cerebral ocorrida.

Gostar
Seguir
google

O melhor da PortalEnf no teu Email...

Assina a nossa Newsletter e recebe as últimas novidades da PortalEnf!

Obrigado por assinares. Se não receberes o mail de confirmação verifica a caixa de Spam!

Something went wrong.

Loading...
Share This Article:

close

Partilha isto com um amigo