Esclarecimento sobre o “aumento” de certos enfermeiros

1 107

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Há muitos enfermeiros que por ignorância, tendem a concordar com a teoria do “aumento” escarrapachado nos jornais e alegadamente se sentem injustiçados por não o terem também…
1- Ninguém vai ter um aumento. Os colegas que deveriam estar a ganhar 1201€ desde 2011 vão, finalmente, poder receber de acordo com a lei. Ou seja, estes colegas foram ainda mais roubados do que todos os outros. (perdoem-me os mais sensíveis mas, é completamente estúpido um colega não concordar que estes recebam, no mínimo, 1201€)
Agora que sabem que não é nenhum aumento vou tentar esclarecer a FARSA deste acordo.

2- Tanto os sindicatos (pelo menos o SEP) como o governo estão em ano de eleições e, como tal, tentam fazer um aproveitamento politico, demagogo e mentiroso (e na minha opinião ilegal).
Como disse no ponto nº1, apenas se vai aplicar a lei sendo portanto estúpido, tanto os sindicatos como o governo, “acordarem” em respeitar a lei… duvido sequer que seja legal tal “acordo”.

3- As nossas lutas (greves na forma como as fazemos) em nada incomodam os governos.

Os grandes lutadores e vencedores da reposição desta injustiça foram os colegas de St Maria da Feira que, ganharam o processo em tribunal e, o enf xxxxxxxx (nao sei se posso dizer o nome) que, com a sua exposição ao provedor de justiça , este lhe deu razão e assim, a todos os enfermeiros naquela situação.

Em suma, todos os que receberem abaixo de 1201€ terão que ser reposicionados nesse valor independentemente de serem sindicalizados ou não, terem feito greves ou não, serem bons ou menos bons enfermeiros ou de qualquer acordo entre sindicatos e governo.

Mais, aos enfermeiros incluídos nesta injustiça, aconselho-vos a juntarem-se e pedirem em tribunal os retroactivos a que têm direito…

A todos,

deixem-se de guerrinhas. Um dos grandes males da nossa classe foi a inercia da maioria dos colegas que, por verem que outros colegas estavam em pior situação, se contentavam com a deles. (lembro-me de colegas a trabalharem 40h e outros 35h e, grande parte destes últimos não se incomodavam, por isso já se sentiam bem de não estar na posição deles) por exemplo.

As guerrinhas internas só servem ao governo que, do alto das suas poltronas se ri enquanto nos destruímos uns aos outros. Eles nem precisam de fazer nada…

Em vez de mandar bitaites no facebook ou nos corredores (muitas vezes sem razão), pensem em formas de luta. Acordemos com elas e lutemos todos, mas lutar mesmo, não é ficar no sofá à espera que outros o façam…

Esclarecimento feito pelo Enfermeiro Eduardo Sampaio no grupo do Facebook ‎Enfermeiros

Gostar
Seguir
google

O melhor da PortalEnf no teu Email...

Assina a nossa Newsletter e recebe as últimas novidades da PortalEnf!

Obrigado por assinares. Se não receberes o mail de confirmação verifica a caixa de Spam!

Something went wrong.

Loading...
Share This Article:

close

Partilha isto com um amigo