20 COISAS QUE TODO O ENFERMEIRO RECÉM-FORMADO (e não só) DEVE APRENDER!

0 4.945

Temos de admitir que não é nada fácil ser um Enfermeiro recém-formado. Mas ninguém está imune a esse período de adaptação. Pode levar um ou dois anos para finalmente atinares com a prática, mas acabas por chegar lá! Aqui estão 20 dicas essenciais que devemos dar a todo (e qualquer) profissional de Enfermagem recém-formado:

1. NUNCA tenhas medo de fazer perguntas! Há sempre alguma coisas a aprender no campo da Enfermagem.

2. Aprende a admitir os seus erros. Se planeias continuar a disfarçar o teu erro para sempre, problemas maiores poderão surgir no horizonte. Os teus colegas de trabalho entenderão se admitires o teu erro e até te ajudarão a resolvê-lo.

3. Esclarece Sempre as coisas se tiveres dúvidas. Se não estiveres muito seguro, nunca hesitea em esclarecer um detalhe que seja referente à assistência do teu paciente.

4. Pensa sempre antes de responder a alguma pergunta. Sempre que o paciente, o familiar ou o médico te perguntar alguma coisa, pensa primeiro na maneira mais segura de responder. Essa é também a melhor coisa a fazer se não estás muito certo da sua resposta.

5. Prepara-te para o pior e espera (sempre) pelo  melhor. Não vais conseguir nunca prever o quão calmo ou caótico poderá ser o teu turno. Então, fica sempre preparado!

6. Cumpre as tuas tarefas assim que elas surgirem. Se as deixas para depois, talvez não haja tempo suficiente para as deixares feitas. Lembra-te que não tens como prever quando estarás realmente ocupado.

7. Não sejas muito duro contigo mesmo. Se precisas ir ao wc, não segures até não aguentar mais (afinal, isso tomará apenas alguns minutos do teu tempo). Se precisas de te hidratar, bebe água ou qualquer outra bebida (SAUDÁVEL, por favor!) antes de prosseguir com as tarefas. A maioria dos profissionais de Enfermagem deixa de lado as suas pequenas necessidades para se focar na finalização de suas atividades. Na realidade, quando és inflexível demais consigo mesmo, a qualidade do teu trabalho será gravemente afetada.

8. Fique longe de pessoas negativas em seu local de trabalho. Ser um profissional de Enfermagem já é um trabalho difícil e será de grande ajuda ter uma atitude positiva no local de trabalho.

9. Come regularmente nos períodos entre as suas tarefas. Em virtude da grande carga de trabalho, auxiliares, técnicos e enfermeiros geralmente são privados do precioso tempo para comer, então aprenda a se deliciar com algo que gosta entre uma tarefa e outra.

10. Antes de chamar o médico,  faz uma lista das coisas que você precisa mencionar.

11. Fala frases curtas e objetivas quando acordar um médico no meio da noite. Alguns deles podem estar sonolentos demais para assimilar informações e você deverá ser o mais conciso possível para que eles possam entender rapidamente o que está acontecendo. E não temas em acordá-lo… Ele está lá para o mesmo que tu!

12. Investe nos teus calçados. Vais caminhar muito ao longo da tua carreira na Enfermagem, então usa sapatos apropriados que ofereçam conforto e durabilidade.

13. Seja sempre pontual. Atrasar-se é um hábito viciante e tu precisas acabar com ele o mais brevemente possível. Nenhum profissional de Enfermagem deseja chegar tarde em casa após um turno inteiro de muito trabalho – tem isso em mente quando chegar para a passagem de turno.

14. Aprende a ser assertivo. Deve estar sempre confiante no que estás a fazer. Como o paciente pode confiar em ti se nem mesmo tu confias em ti mesmo?

15. Procure não se envolver em fofocas de trabalho. Elas não farão nada bem para a sua imagem e carreira na Enfermagem.

16. Dorme sempre que possível. A maior parte dos casos de ineficiência no trabalho acontece quando se está em privação de sono. Também estarás mais propenso a erros de medicação quando não estás descansado o suficiente.

17. Nunca saias de um quarto (ou enfermaria) dizendo que voltará em um minuto. Esse minuto pode nunca chegar, pois você não pode prever quando estará ocupado ou livre. E o paciente ficará esperando por você (talvez até o próximo plantão, quem sabe?).

18. Se você não está familiarizado com um medicamento que está prestes a administrar, sempre reserve um tempinho para pesquisar sobre ele. O paciente tem o direito de saber a respeito do medicamento que receberá, então você deve estar com a informação correta na ponta da língua e saber as precauções a serem tomadas durante a administração.

19. Tenha em mente que, em alguns casos, uma boa conversa (ainda que rápida) pode ser melhor que um medicamento.

20. Ninguém tem o direito de te fazer sentir incompetente, a menos que o permitas. Não importa se  és recém-formado ou um profissional veterano com mais de 20 anos de carreira, não há motivo para alguém te fazer sentir incompetente. Nem mesmo os colegas com SINDROME DA ABELHA-RAINHA!

Fonte: NurseBuff (Conteúdo adaptado).

Gostar
Seguir
google
Loading...
Share This Article:

close

Partilha isto com um amigo