Falta de Viaturas Médicas do INEM podem colocar população em risco

0 19

A activação de Viaturas Médicas do INEM para transportes Inter-Hospitalares aumentou nos últimos meses. Esta situação poderá colocar em risco de vida, população em território nacional.

Segundo página oficial do Instituto Nacional de Emergência Médica, a Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER), “é um veículo de intervenção pré-hospitalar destinado ao transporte rápido de uma equipa médica ao local onde se encontra o doente. O seu principal objectivo consiste na estabilização pré-hospitalar e no acompanhamento médico durante o transporte de vítimas de acidente ou doença súbita em situações de emergência.”

Este facto é reiterado em Despacho n.º 5561/2014 publicado no DR, 2ª série nº 79 de Abril de 2014.

As VMER estão a ser activadas para transportes inter-hospitalares, surgindo denúncias de Enfermeiros e Médicos ao serviço destes meios, que relatam serviços acima das quatro horas, o que poderá resultar na falta de cobertura da área operacional que normalmente abrangem.

Não querendo utilizar a tragédia como forma de luta, relembramos o recente caso da morte do actor José Boavida, que resultou na criação da VMER Amadora/Sintra, cujo objectivo é colmatar a demora no socorro diferenciado, que existia há vários anos naquela zona geográfica. Ora a estratégia agora utilizada, contraria por isso, a filosofia que norteia a existência desta e de todas as VMER no País.

A Secção Regional do Sul da Ordem dos Enfermeiros, está atenta a esta situação e não pactuará com estratégias de poupança que poderão trazer consequências para a população. A redução de custos não pode ser feita à custa de vidas.

Fonte: Ordem dos Enfermeiros

O melhor da PortalEnf no teu Email...

Assina aqui a nossa Newsletter e recebe todas as novidades da PortalEnf!

Obrigado por assinar. Vais receber um mail... verifica a caixa de Spam!

Something went wrong.

Loading...
Share This Article:

close

Partilha isto com um amigo