Está a demorar?Feche aqui...
Aguarde...
Segunda-feira , 27 Março 2017
Home » Artigos e Notícias » Atualidade » Novo sistema permite recolha remota de dados de saúde de utentes com doenças crónicas

Novo sistema permite recolha remota de dados de saúde de utentes com doenças crónicas

Uma ‘startup’ do Porto criou um sistema para recolher, analisar e monitorizar em tempo real dados de saúde de utentes que tenham doenças crónicas e vivam em cenários remotos, permitindo um acompanhamento diário por parte das instituições.

Esta solução permite que os utentes “respondam a várias condições clínicas”, relacionadas “com doenças crónicas, com o estilo de vida, ou com condições de stresse/fadiga no trabalho”, informações essas que chegam às instituições de saúde e aos seus cuidadores informais, disse à Lusa o fundador da BIX Health Miguel Sales Dias.

Os dados recolhidos “em vários cenários de monitorização remota, nomeadamente nos cuidados de saúde em casa de utentes distantes, de atletas ou de militares durante treinos”, são disponibilizados para as instituições que tenham serviços de teleassistência e acompanhamento clínico remoto.

Pub

De acordo com Miguel Sales Dias, a monitorização é efetuada através da captura de sinais biométricos de dispositivos médicos eletrónicos, escolhidos para cada situação clínica e disponibilizados aos utentes, os quais podem ser utilizados de forma autónoma, em casa ou no local de trabalho.

“A informação é transmitida de forma robusta, anónima, segura e confidencial para uma plataforma na nuvem (HealthCloud)”, sendo aí “consumida” pelo “sistema de informação do parceiro de saúde (devidamente autorizado), podendo estes dados, já nesse sistema, ser usados, após análise, para despoletar alertas clínicos relativos a utentes, baseados em regras construídas para a prevenção e deteção precoce de doenças”, explicou.

Para os cenários de autocuidados, os dados de saúde podem ser consumidos também pelas aplicações para ‘tablet’ e ‘smartphone’ da BIX, dedicadas ao utente e aos seus cuidadores informais (amigos e família).

“As doenças crónicas não-transmissíveis, como a diabetes, a hipertensão, as doenças coronárias e as síndromes respiratórias, embora evitáveis, estão entre as mais comuns e dispendiosas”, em particular na Europa e nos Estados Unidos, indicou.

Em Portugal, “as últimas estatísticas da Sociedade Portuguesa de Diabetologia, apontam para um milhão de cidadãos com diabetes, dos quais 56% estão diagnosticados com diabetes I (5% da população diabética) e os restantes com diabetes II”.

Quanto à população idosa (que conta com 2,1 milhões de cidadãos), “27% é diabética”. “Já no caso da hipertensão, 2,6 milhões de portugueses, dos quais 1,4 milhões de idosos, padecem desta síndrome”.

Esta solução, segundo o fundador da ‘startup’, pode ser aplicada noutros cenários, como condições de stresse/fadiga no trabalho, cuidados de saúde de atletas ou de militares durante treinos.

Da BIX Health, que está incubada no Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto da Universidade do Porto (UPTEC), fazem também parte Fernando Miguel Pinto, Carlos Godinho Pires e Mariana Lopes.

Para além do UPTEC, tiveram o apoio da Microsoft – com o programa BizSpark e BizSpark plus -, da Amazon – com um programa de acesso a recursos na nuvem.

Têm como parceiros, na área da diabetes, a Associação Protetora dos Diabéticos de Portugal (APDP) e a empresa de prestação de serviços e soluções de saúde para doenças crónicas EVOLUTE, com os quais pretendem criar uma operação de monitorização de diabetes.

Para o apoio social e assistência de vida ativa da população idosa, colaboram com a Cruz de Malta. Através desta parceria, esperam também iniciar uma operação de monitorização da vida ativa de idosos.

Fonte: Diário Digital com Lusa



Comenta...

Deixar uma resposta

Gostaste?

Assina a nossa newsletter e recebe as novidades no teu mail...
Assina a Newsletter da PortalEnf
E recebe as novidades no teu e-mail!

Assinar Newsletter 
A tua informação não é divulgada. Verifica a caixa Spam!
Share This Article:

close

Send this to friend