É necessária uma ação global na prevenção do suicídio entre profissionais de saúde

0 52

É necessária uma colaboração global para entender e lidar com as questões subjacentes e profundamente enraizadas associadas a uma saúde mental ruim em profissionais médicos.

 

Isso está em conformidade com um novo editorial publicado no The Lancet , que está salientando os esforços recentes nos EUA para abordar a alta taxa de suicídio entre médicos no país. Cerca de 400 médicos morrem por suicídio todos os anos nos EUA. A Academia Nacional de Medicina(National Academy of Medicine) dos Estados Unidos está colaborando com mais de 20 organizações profissionais e educacionais para promover bem-estar e resiliência entre os médicos. A plataforma, que deve iniciar seu trabalho neste mês, tem por objetivo avaliar e entender as causas subjacentes do burnout e suicídio de clínicos e oferecer soluções capazes de reverter as tendências atuais.

 

O editorial do The Lancet sugere que lições podem ser aprendidas a partir desta iniciativa, não apenas nos EUA, mas globalmente.

 

“Este não é o momento de ser complacente ou de deixar a saúde dos profissionais médicos como um item secundário na agenda política, mas de iniciar 2017 seguindo uma orientação assumida pela Academia Nacional de Medicina: garantir que a saúde e resiliência da nossa força de trabalho médica tenham a mais alta prioridade em cada país”, ele afirma.

Fonte: Univadis

Gostar
Seguir
google
Loading...
Assina a Newsletter

Ao assinares a Newsletter vais receber no teu mail as notícias e novidades da PortalEnf

Não fazemos Spam e respeitamos a tua privacidade
Assina a Newsletter
close-link
Share This Article:

close

Partilha isto com um amigo