Diabetes 1 e 2: fármacos para reduzir hipoglicemia em estudo

0 391

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Dois estudos recentes compararam o efeito de dois tipos de insulina sobre episódios de baixos níveis de açúcar no sangue (hipoglicemia) em pacientes com diabetes de tipo 1 e 2.

Ambos os estudos demonstraram que a insulina degludec, comparada com a glargina U100 administrada durante um período de 32 semanas resultou numa taxa menor de episódios de hipoglicemia em indivíduos com diabetes de tipo 1 e 2 com pelo menos um fator de risco para a hipoglicemia.

Um dos estudos foi conduzido por uma equipa de investigadores do Centro Mountain para a Diabetes e Endócrino, Asheville, EUA, liderado por Wendy Lane.

Para o estudo, a equipa recrutou aleatoriamente 501 indivíduos com diabetes de tipo 1 e pelo menos um fator de risco para a hipoglicemia. Os participantes receberam uma dose diária, de manhã ou à noite aleatoriamente, para cada tratamento, de degludec, seguida de glargina U100 ou glargina U100 seguida de degludec durante dois períodos de 32 semanas de tratamento.

Dos 501 pacientes, 395 conseguiram terminar o ensaio. Foi verificado que a insulina degludec produziu menos episódios de hipoglicemia e de hipoglicemia sintomática noturna do que a glargina U100 durante o período de manutenção de 16 semanas e uma menor proporção teve menos episódios de hipoglicemia severa (10% em comparação com 17%).

O segundo estudo, liderado por Carol Wysham, da Faculdade de Medicina da Universidade de Washington, contou com a participação de 721 pacientes com diabetes de tipo 2 e pelo menos um fator de risco para a hipoglicemia, selecionados aleatoriamente, e que tinham sido tratados anteriormente com insulina basal, com ou sem fármacos antidiabéticos orais.

Os participantes receberam uma dose diária, de manhã ou à noite, aleatoriamente, para cada tratamento, de degludec, seguida de glargina U100 ou glargina U100 seguida de degludec durante dois períodos de 32 semanas de tratamento.

Foi observado que nos 580 pacientes que terminaram o ensaio, o tratamento com degludec, comparado com o tratamento com glargina U100 resultou numa redução estatisticamente significativa no índice geral de hipoglicemia sintomática e hipoglicemia sintomática noturna durante as 16 semanas do período de manutenção.

O índice de hipoglicemia severa foi significativamente mais baixo com a insulina degludec (1,6%) do que com a glargina U100 (2,4%) durante o período de manutenção.

Gostar
Seguir
google
Fonte Univadis

O melhor da PortalEnf no teu Email...

Assina a nossa Newsletter e recebe as últimas novidades da PortalEnf!

Obrigado por assinares. Se não receberes o mail de confirmação verifica a caixa de Spam!

Something went wrong.

Loading...
Share This Article:

close

Partilha isto com um amigo