Está a demorar?clique aqui...
A carregar
PortalEnf Comunidade de Saúde
Comunidade de Saúde Online com artigos e notícias

Sinais de Trousseau e de Chvostek

1 1.429

Os sinais de Trousseau e de Chvostek são de extrema importância no diagnóstico do hipoparatireoidismo, pois traduzem irritabilidade neuromuscular por tetania latente devido à hipocalcemia.

Sinal de Trousseau
Ou espasmo carpopodal, pode ser provocado ao se manter o manguito do aparelho de pressão insuflado, por 3 min, 20 mm de mercúrio acima da pressão sistólica do paciente. Nos casos de hipocalcemia, ocorrem flexão do punho, extensão das articulações interfalangianas e adução do polegar, configurando o que se costuma chamar de “mão de parteiro”

Sinal de Chvostek
É pesquisado pela percussão do nervo facial, adiante do pavilhão auditivo. Quando há hipocalcemia, aparece contração da musculatura da face e do lábio superior no lado em que se fez a percussão. É importante ressaltar que o sinal de Chvostek ocorre em 10% da população normal.

Lembre-se também:
Ambos sinais representam sinais de hipocalcemia, em geral pesquisada após tireoidectomia em que seja pela retirada inadvertida das paratireoides ou por isquemia durante a cirurgia pode haver hipoparatireoidismo. A hipocalcemia pode ser acompanhada de parestesia, formigamento em mãos, boca, pés; além de mialgia, letargia, convulsão, irritabilidade, laringoespasmo, arritmias.

 

(Fonte do Texto: PORTO, C. C. Semiologia Médica 7th; Benseñor, Isabela M. Semiologia Clínica 1st )

emprego
publicar artigo
Loading...

Gostaste?

Vê como podes ajudar!

Assina a nossa newsletter e recebe as novidades no teu mail...
×
Share This Article:

close

Send this to a friend