Novo teste sanguíneo pode ajudar a detetar oito tipos de cancro

0 342

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

O teste CancerSEEK – a que os investigadores chamam “biópsia líquida” – está a ser desenvolvido nos Estados Unidos e será uma reviravolta na luta contra o cancro.

Na investigação em curso na Universidade Johns Hopkins nos Estados Unidos, publicada na revista “Science”, foram detetados cerca de 70% de casos em mais de mil pacientes com cancros em fase inicial, sendo a deteção precoce um forte aliado para evitar que o tumor se desenvolva e se espalhe a outros órgãos, dificultando depois o tratamento.

O teste consiste na deteção de mutações de ADN que as células mortas passam para o sangue e biomarcadores proteicos associados ao cancro da mama, fígado, pulmão, esófago, ovários, estômago, pâncreas e intestino.

“Pela primeira vez estamos a ver potencial num teste de sangue que é capaz de analisar vários tipos de ‘maus’ cancros que até agora era preciso esperar que surgissem os sintomas e eram diagnosticados mais tarde”, salienta Peter Gibbs, do Instituto Walter e Eliza em Melbourne, que participou na investigação, citado pela ABC.

O CancerSEEK revelou-se eficiente na deteção de cancros, como é o caso do cancro do pâncreas, que na maioria das vezes têm poucos ou nenhuns sintomas até o tumor crescer e chegar a uma fase mais avançada, diminuindo as hipóteses de sucesso de tratamento e aumentando a mortalidade dos pacientes.

O professor Peter Gibbs destaca, citado pelo “The Guardian”, que será mais abrangente a realização de um simples teste de sangue do que sujeitar os pacientes a exames desagradáveis e invasivos, como por exemplo as colonoscopias.

Com o risco de tumores oncológicos a aumentar a partir dos 50 anos, este novo teste sanguíneo será muito relevante não só para pessoas a partir desta faixa etária como para jovens com historial de cancro na família.

O CancerSEEK está atualmente a ser testado em dez mil pessoas. “A grande questão vai ser o preço”, admite Peter Gibbs. “Suspeito que agora estaremos a falar de mil dólares (820 euros)… mas com mais tecnologias e escala as coisas tornam-se mais baratas com o tempo… espero que possa baixar para poucas centenas de dólares”.

[ratemypost] [ratemypost-result]
Fonte Jornal de Notícias

O melhor da PortalEnf no teu Email...

Assina aqui a nossa Newsletter e recebe todas as novidades da PortalEnf!

Obrigado por assinar. Vais receber um mail... verifica a caixa de Spam!

Something went wrong.

Loading...
Share This Article:

close

O melhor da PortalEnf...

Assina e recebe as últimas novidades da PortalEnf!

Obrigado por assinares. Se não receberes o mail de confirmação verifica a caixa de Spam!

Something went wrong.

O melhor da PortalEnf...

Assina e recebe as últimas novidades da PortalEnf!

Obrigado por assinares. Se não receberes o mail de confirmação verifica a caixa de Spam!

Something went wrong.

Partilha isto com um amigo