Identificado um novo tipo de esclerose múltipla

0 84

Uma equipa de investigadores do Centro médico Cleveland Clinic, em Ohio, nos EUA, identificou um novo subtipo de esclerose múltipla, a que chamou esclerose múltipla mielocortical. Este subtipo da doença caracteriza-se pela desmielinização da medula espinal e do córtex cerebral.

Os investigadores analisaram o tecido cerebral e a medula espinal de 100 pacientes que morreram e que foram previamente identificados como sofrendo de EM. Doze desses doentes apresentavam lesões na medula espinal e no córtex cerebral mas não na substância branca do cérebro.

Até agora, considerava-se que a degeneração neuronal e a incapacidade neurológica permanente causadas pela Esclerose Múltipla (EM) tinham origem apenas na perda de mielina em volta da substância branca do cérebro. Esta descoberta vem, assim, ajudar a compreender de que forma os sintomas da doença podem variar de caso para caso. “Este estudo abre um novo campo na investigação da EM. É o primeiro a fornecer evidências patológicas de que a degeneração neuronal pode ocorrer sem perda de mielina da substância branca no cérebro”, refere o investigador principal Bruce Trapp.

Trapp disse ao Medscape Medical News que “a desmielinização da substância branca cerebral é uma espécie de padrão patológico da EM” e que, “portanto, encontrar 12% dos pacientes sem essa lesão é uma descoberta relevante”. Os investigadores concluíram que a degeneração neuronal e desmielinização do cérebro são patologias da EM que podem ocorrer separadamente – ou seja, não estão dependentes uma da outra.

Apesar de não apresentarem lesões típicas de EM na substância branca cerebral, os pacientes com EM mielocortical apresentaram redução da densidade neuronal e da espessura cortical, características da neurodegeneração também observadas na EM tradicional.

“As novas guidelines destacam a necessidade de técnicas de imagem aprimoradas que possam ajudar os investigadores e  clínicos a entender melhor as lesões visualizadas na ressonância magnética”, refere Douglas Landsman, vice-presidente da área biomédica da National Multiple Sclerosis Society.

O melhor da PortalEnf...

Assina e recebe as últimas novidades da PortalEnf!

Obrigado por assinares. Se não receberes o mail de confirmação verifica a caixa de Spam!

Something went wrong.

Loading...
Share This Article:

close

Segue-nos nas redes sociais!

Partilha isto com um amigo