Combinação de vitaminas B reduz sintomas da Neuropatia, segundo novo estudo

0 89

Um estudo publicado no Asian Journal of Medical Sciences revelou que a combinação de três vitaminas B neurotróficas aliviam os sintomas em doentes com Neuropatia Periférica (NP), distúrbio que afeta os nervos.

O estudo foi desenvolvido na Faculdade de Medicina, Universitas Indonesia Cipto Mangunkusumo, em Jakarta, na Indonésia.

A redução dos sintomas foi estatisticamente significativa durante e após o estudo, tendo-se registado um alívio total dos sintomas de 63%, o que representa uma melhoria significativa para a qualidade de vida dos doentes. Relativamente a sintomas específicos a melhoria média foi de 65% para dor lancinante (dor que se manifesta por pontadas agudas), 81% para ardor, 61% para perda de sensibilidade (parestesia) e 56% para dormência.

A neuropatia corresponde a um quadro de lesões nos nervos motores, sensoriais e/ou autónomos que afetam diferentes fibras nervosas. A neuropatia periférica, a mais comum, ocorre quando há lesão no sistema nervoso periférico, como nos nervos dos braços e das pernas. Os sintomas podem ser diversos e incluem sensação de picadas, formigueiro, dormência, perda de sensibilidade dolorosa ou térmica, ardor e alodinia (sensação dolorosa causada por estímulo normalmente não doloroso). As causas comuns de NP podem ser genéticas, doenças crónicas como a diabetes, deficiências nutricionais ou até efeitos secundários de determinados medicamentos, nomeadamente os utilizados em quimioterapia.

Quando os sintomas são graves ou irreversíveis, a NP pode comprometer significativamente a qualidade de vida. Atualmente a taxa de prevalência desta patologia é de 8% na população geral, mas a frequência pode ultrapassar os 50% em idosos, diabéticos e alcoólicos. Segundo José Maria Pereira Monteiro, investigador clínico de Neurogenética do I3S da Universidade do Porto “sabe-se que 30% das pessoas podem estar em risco de desenvolver neuropatia com o passar dos anos e 1 em cada 3 pessoas poderá evoluir para um quadro debilitante. Quando diagnosticada precocemente, a neuropatia pode ser revertida ou, pelo menos, controlada. Ainda assim, na maior parte dos casos, a neuropatia é diagnosticada apenas num estado avançado e quando é difícil de tratar. Os danos nos nervos tornam-se irreversíveis quando a perda de fibras nervosas ultrapassa os 50%“.

As vitaminas B neurotróficas (B1, B6 e B12) são frequentemente utilizadas na prática clínica no tratamento de NP. No entanto, o nível de evidência das publicações científicas não é elevado, e os estudos com associações fixas geralmente focam-se em doentes com neuropatia diabética. O objetivo deste estudo foi avaliar a eficácia e segurança da associação fixa de vitaminas B1, B6, e B12 no tratamento de NP de diferentes etiologias, após 14 dias e ao fim de um período prolongado de tratamento.

O estudo prospetivo envolveu 411 doentes (297 do sexo feminino, 114 do sexo masculino) com NP ligeira a moderada de diferentes etiologias, em 8 centros de estudo na Indonésia.

O melhor da PortalEnf...

Assina e recebe as últimas novidades da PortalEnf!

Obrigado por assinares. Se não receberes o mail de confirmação verifica a caixa de Spam!

Something went wrong.

Loading...
Share This Article:

close

Segue-nos nas redes sociais!

Partilha isto com um amigo