Líder de sindicato dos enfermeiros vai fazer greve de fome

0 85

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Anúncio de Carlos Ramalho foi feito numa conferência de imprensa do sindicato.

O presidente do Sindicato Democrático dos Enfermeiros de Portugal (Sindepor), Carlos Ramalho, acaba de anunciar que vai entrar em greve de fome a partir de quarta-feira e permanecer em frente à residência do Presidente da República em Lisboa, até que sejam retomadas as negociações com o Governo.

“Se era necessário um mártir, eu estou aqui”, anunciou em conferência de imprensa o líder do Sindepor, uma das duas estruturas sindicais que convocaram a greve “cirúrgica” em curso em blocos operatórios até ao final deste mês. 

“Vou fazer aquilo que ainda não foi feito”, frisou Carlos Ramalho, garantindo que não vai suspender a paralisação em curso até ao final do mês, apesar do parecer do Conselho Consultivo da Procuradoria-Geral da República, que considerou este protesto ilícito. “Vamos manter a luta e levá-la até às últimas consequências”, enfatizou.

Fonte: Público

Loading...
Share This Article:

close

Partilha isto com um amigo