You dont have javascript enabled! Please enable it!
Notícias

Médicos ucranianos devem poder trabalhar em Portugal sem falarem português, defende a Ordem

Exceção inédita para médicos ucranianos terá ainda de ser negociada com o governo. Ordem dos Enfermeiros rejeita apoiar medida idêntica.

A Ordem dos Médicos (OM) vai autorizar os médicos ucranianos a exercerem em Portugal, mesmo sem falarem Português, avança a TSF. A ser aceite pelo governo, esta será uma medida inédita e que poderá beneficiar não só os clínicos que venham para Portugal na sequência da guerra da Ucrânia mas, no imediato, os médicos ucranianos que vivem em Portugal.

O comunicado desse Conselho de Ministros, citado pela Lusa, explica que o decreto-lei aprovado “estabelece medidas relativas ao reconhecimento de qualificações profissionais de beneficiários de proteção temporária no âmbito do conflito armado na Ucrânia, de forma a permitir que possam exercer a sua atividade profissional com celeridade, permitindo-lhes assim assegurar a sua subsistência”. O diploma “é aplicável a profissões regulamentadas cuja autoridade competente para o reconhecimento de qualificações seja um serviço ou entidade da administração direta ou indireta do Estado ou uma entidade administrativa independente”.

À TSF, o bastonário da Ordem dos Médicos sublinha o caráter excecional da medida, e desafia “o Estado, através dos professores, a organizar cursos de português para estes médicos ucranianos”. Miguel Guimarães adianta que, depois de verem os cursos reconhecidos pelas universidades, os médicos serão remunerados à medida que sejam integradas ao lado de colegas portugueses.

“Podem pedir análises e raios-X – e vão começando. É como qualquer médico que entra no sistema, não entra ali e começa logo a fazer tudo”, esclarece o responsável da OM.

Já no caso dos enfermeiros, a Ordem exige que os profissionais dominem a língua portuguesa para obterem o título profissional e puderem exercer em Portugal. “[Podem trabalhar] eventualmente noutras funções, em unidades de saúde, mas que não exigissem um contacto tão direto com os doentes, porque aí a barreira linguística é, efetivamente, um problema”, diz a bastonária Ana Rita Cavaco.

SO

Notícia Relacionada

Pedidos de estrangeiros para exercer medicina em Portugal diminuíram com pandemia

Fonte: Saúde Online

Segue a PortaLEnf: Follow on FacebookTweet about this on TwitterFollow on LinkedIn
0 0 votes
Article Rating
Looks like you have blocked notifications!

Pub

Portalenf Comunidade de Saúde

A PortalEnf é um Portal de Saúde on-line que tem por objectivo divulgar tutoriais e notícias sobre a Saúde e a Enfermagem de forma a promover o conhecimento entre os seus membros.

Artigos Relacionados

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Botão Voltar ao Topo
';
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
Situs sbobet resmi terpercaya. Daftar situs slot online gacor resmi terbaik. Agen situs judi bola resmi terpercaya. Situs idn poker online resmi. Agen situs idn poker online resmi terpercaya. Situs idn poker terpercaya.

situs idn poker terbesar di Indonesia.

List website idn poker terbaik.

Permainan judi slot online terbaik

error: Alert: Content is protected !!
Partilha isto com um amigo
pasaran togel