Notícias

Sintomas de depressão nos adolescentes voltam a aumentar: afetam 42% dos jovens com uma média etária de 14 anos

São já 42,2% os adolescentes no país com sintomatologia depressiva, segundo revelam os resultados da intervenção, no último ano letivo (2021-2022), do programa de prevenção de comportamentos suicidários em meio escolar – Mais Contigo.

De acordo com os dados obtidos, tendo por base uma amostra de 5440 jovens, com uma média etária de cerca de 14 anos e a frequentarem mais de 150 escolas de norte a sul de Portugal (incluindo a região autónoma da Madeira), 28,5% dos adolescentes expressaram indícios e manifestações de depressão moderados (13,3%) ou graves (15,2%), sendo que as raparigas manifestaram maiores vulnerabilidades dos que os rapazes.

Trata-se, segundo o coordenador do programa e professor de saúde mental e psiquiátrica na Escola Superior de Enfermagem de Coimbra (ESEnfC), José Carlos Santos, da “maior incidência de sintomatologia depressiva desde o início do Mais Contigo”, há 12 anos, sendo que “já no ano passado a percentagem fora a maior até então”.

Divulgados quarta-feira (28.09), em Coimbra, os resultados desta intervenção mostram, também, algo positivo: entre o diagnóstico de situação, as intervenções em contexto escolar (5 sessões) e a avaliação final, constata-se uma melhoria ao nível do bem-estar e do autoconceito, com uma associada diminuição da sintomatologia depressiva.

Pub

“Estão todos de parabéns”, congratulou-se José Carlos Santos, ao intervir na sessão de abertura do XI Encontro Mais Contigo, realizado na ESEnfC, onde agradeceu “todo o trabalho desenvolvido pelas equipas locais, sobretudo dos cuidados de saúde primários, na implementação do programa”.

“Temos sabido, pouco a pouco, de forma sustentável, solidificar o Mais Contigo e fazê-lo chegar, de forma responsável, a mais pessoas em mais regiões”, notou o docente do ensino superior em comunicado.

Para José Carlos Santos, “estes resultados aumentam a responsabilidade de todos: pais, professores, auxiliares, profissionais de saúde, autarquias e políticos”, seja “pela proximidade e pelo olhar necessário, pelo saber escutar, pela capacidade de estar presente”, ou “pelas respostas imediatas mais especializadas”.

Coordenador do programa apela a sinergias entre vários ministérios

“Tudo isto fará sentido se a saúde mental, ultrapassada a pandemia, conseguir ser uma prioridade, tiver um planeamento nacional, mas não perdendo o olhar e práticas de proximidade”, sustentou o coordenador do Mais Contigo, que disse acreditar “que o recente decreto-lei nº 113/2021 (que estabelece os princípios gerais e as regras da organização e funcionamento dos serviços de saúde mental) nos responsabiliza a todos nesta visão”.

Pub

O enfermeiro José Carlos Santos voltou a alertar que o trabalho que tem sido desenvolvido “apela a uma maior necessidade de presença de profissionais de saúde mental nas escolas, sejam psicólogos ou enfermeiros de saúde mental, mas também de maior interligação entre a escola e as instituições de saúde”.

“O estigma, os processos de negação, de vergonha, de medo, de incompreensão e de falsos conceitos estão ainda presentes e dificultam intervenções atempadas”, advertiu o professor da ESEnfC.

Para José Carlos Santos, “as razões da existência do Mais Contigo são cada ano mais aprofundadas”, sendo que “o impacto da pandemia, com mais procura de cuidados de saúde mental, com mais distúrbios de ansiedade, de sintomatologia depressiva e mais alterações comportamentais, reforçam a sua importância”.

O coordenador do Mais Contigo salientou, ainda, a “dificuldade de prevenir os comportamentos suicidários, um comportamento complexo, multifacetado, onde as determinantes sociais têm um peso importante e onde a saúde é um dos interlocutores, mas está longe de ser o único, implicando medidas globais, criando sinergias entre os diversos ministérios, da Segurança Social, Emprego, Educação, Ensino Superior, Administração Interna e diversos organismos não governamentais”.

Na sessão de abertura do XI Encontro Mais Contigo intervieram, ainda, a enfermeira diretora do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC), Áurea Andrade, a presidente da Administração Regional de Saúde (ARS) do Centro, Rosa Reis Marques, a representante da Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares, Ana Paula Monteiro, a representante da Coordenação Nacional das Politicas de Saúde Mental, Ana Matos Pires, e o Presidente da ESEnfC, Fernando Amaral.

No último ano letivo, o programa Mais Contigo contou com a colaboração de 18 agrupamentos de centros de saúde das administrações regionais de Saúde do Centro, de Lisboa e Vale do Tejo, do Alentejo, do Algarve e do Norte. Que colaboraram nas intervenções realizadas em 69 agrupamentos de escolas/escolas não agrupadas, 88 escolas e colégios.

Este projeto de âmbito nacional trabalha aspetos como o estigma em saúde mental, o autoconceito e a capacidade de resolução de problemas, devidamente enquadrados na fase da adolescência.

O programa Mais Contigo é promovido em Portugal, desde o seu início, pela ESEnfC e pela ARS do Centro, com uma forte presença de enfermeiros do CHUC, contando já com múltiplos parceiros de norte a sul do país e nos territórios insulares.

Pub

Fonte: Lifestyle Sapo

Looks like you have blocked notifications!

Portalenf Comunidade de Saúde

A PortalEnf é um Portal de Saúde on-line que tem por objectivo divulgar tutoriais e notícias sobre a Saúde e a Enfermagem de forma a promover o conhecimento entre os seus membros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Botão Voltar ao Topo
Situs sbobet resmi terpercaya. Daftar situs slot online gacor resmi terbaik. Agen situs judi bola resmi terpercaya. Situs idn poker online resmi. Agen situs idn poker online resmi terpercaya. Situs idn poker terpercaya.

situs idn poker terbesar di Indonesia.

List website idn poker terbaik.

Permainan judi slot online terbaik

Keuntungan Bermain Di Situs Judi Bola Terpercaya Resmi
error: Alert: Conteúdo protegido !!