Notícias

Centro quer responder aos 800 doentes de cirurgia à coluna

O Centro Hospitalar Universitário de Lisboa Central (CHULC) dispõe, a partir de hoje, do primeiro Centro de Responsabilidade Integrado (CRI) do país dedicado às patologias da coluna para responder aos cerca de 800 doentes à espera de cirurgia.

“O CRI da coluna é um projeto clínico que resulta da vontade das direções da Ortopedia e da Neurocirurgia de tratar a patologia da coluna de forma conjunta. Temos cirurgiões de coluna que são oriundos destes dois serviços e que vão trabalhar por equipas”, adiantou à agência Lusa o médico Nélson Carvalho.

Além dessas duas especialidades, o centro agora criado surgiu também por vontade dos especialistas de Medicina Física e de Reabilitação, avançou o CHULC.

Segundo o diretor do Conselho de Gestão do novo CRI-Coluna, atualmente cerca de 800 utentes estão na lista de espera do CHULC para serem operados à coluna.

“A lista de espera no nosso centro – penso que como em todos os hospitais públicos – é dramática. São esperas que chegam a ser de anos. Não é viável para qualquer pessoa que tenha um problema de coluna estar à espera mais de um ano por uma cirurgia”, salientou o especialista em Ortopedia e Traumatologia.

Os CRI são estruturas de gestão intermédia dependentes dos conselhos de administração dos hospitais públicos, mas que têm autonomia funcional e que estabelecem um compromisso de desempenho assistencial, económico e financeiro, negociado para um período de três anos.

Como contrapartida, os profissionais de saúde das várias áreas que integram estes centros de responsabilidade têm acesso a vários incentivos, incluindo financeiros, que estão diretamente relacionados com o desempenho alcançado.

De acordo com Nélson Carvalho, a criação deste CRI, o nono que entra em funcionamento no centro hospitalar, constitui uma grande mais-valia para os doentes, mas também para os profissionais de saúde, uma vez que “potencia a parte técnica”.

“Este projeto clínico foi acarinhado pela administração, que nos dá, em forma de um CRI, as ferramentas para podermos priorizar estes doentes dentro do contexto de toda a patologia que é tratada no centro hospitalar, de forma que consigamos funcionar de forma mais eficaz”, explicou o diretor do conselho de gestão.

Do CRI-Coluna faz também parte uma equipa multidisciplinar de profissionais de outras áreas como a medicina física e de reabilitação, a medicina interna, a enfermagem, a fisioterapia, a nutrição, a psicologia, a farmácia, o apoio social e assistentes operacionais e técnicos.

Sediado no Hospital de São José, este novo centro vai recorrer também aos hospitais Curry Cabral e Dona Estefânia, que também integram o CHULC, para tratar várias patologias da coluna vertebral, como a escoliose idiopática nos adolescente, hérnias discais e fraturas de origem traumática.

Nélson Carvalho adiantou ainda que a abertura do CRI-Coluna permitirá criar a figura do cirurgião de coluna, colocando o CHULC na vanguarda da formação de jovens médicos, através da associação de conhecimento técnico e científico de duas especialidades cirúrgicas.

“O facto de nós criarmos este centro vai potenciar a criação do cirurgião de coluna, que não temos no nosso país, e que está a ser desenvolvido, com currículos que estão a ser avaliados, a nível europeu”, salientou o especialista.

 

LUSA

Notícia relacionada 

Neurocirurgia do CHUC utiliza sistema inovador para navegação em patologia da coluna vertebral

Print Friendly, PDF & Email

Fonte: Saúde Online

Looks like you have blocked notifications!

Segue as Notícias da Comunidade PortalEnf e fica atualizado.(clica aqui)

Portalenf Comunidade de Saúde

A PortalEnf é um Portal de Saúde on-line que tem por objectivo divulgar tutoriais e notícias sobre a Saúde e a Enfermagem de forma a promover o conhecimento entre os seus membros.

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Keuntungan Bermain Di Situs Judi Bola Terpercaya Resmi slot server jepang