Notícias

O primeiro ensaio humano do mundo descobriu que medicamento para artrite pode suprimir a progressão do diabetes tipo 1

insulina

Crédito: CC0 Domínio Público

Pesquisadores do Instituto de Pesquisa Médica de São Vicente (SVI), em Melbourne, demonstraram que um medicamento comumente prescrito para artrite reumatóide pode suprimir a progressão do diabetes tipo 1.

O primeiro ensaio humano do mundo, publicado no Jornal de Medicina da Nova Inglaterra e liderado pelo professor Thomas Kay da SVI, mostrou que um medicamento chamado baricitinibe pode preservar com segurança e eficácia a produção de insulina do próprio corpo e suprimir a progressão do diabetes tipo 1 em pessoas que iniciaram o tratamento dentro de 100 dias após o diagnóstico.

“Quando a diabetes tipo 1 é diagnosticada pela primeira vez, ainda existe um número substancial de células produtoras de insulina. Queríamos ver se conseguiríamos proteger uma maior destruição destas células pelo sistema imunitário. Mostrámos que o baricitinib é seguro e eficaz no abrandamento da progressão do diabetes tipo 1 em pessoas que foram diagnosticadas recentemente”, disse o professor Kay.

Esta pesquisa inovadora mostra-se promissora como o primeiro tratamento modificador da doença desse tipo para diabetes tipo 1 que pode ser administrado na forma de comprimido.

“É extremamente emocionante para nós sermos o primeiro grupo em qualquer lugar do mundo a testar a eficácia do baricitinibe como um potencial tratamento para diabetes tipo 1”, disse o professor Kay.

“Até agora, as pessoas com diabetes tipo 1 dependiam de insulina administrada por injeção ou bomba de infusão. Nosso estudo mostrou que, se iniciado cedo o suficiente após o diagnóstico, e enquanto os participantes permanecessem com a medicação, a produção de insulina era mantida. As pessoas com diabetes tipo 1 no estudo que receberam o medicamento necessitaram de significativamente menos insulina para o tratamento”.






Sem o tratamento, as células imunológicas atacam e matam as células produtoras de insulina. Crédito: Instituto de Pesquisa Médica de São Vicente

O manejo da doença autoimune ao longo da vida é extremamente oneroso para as pessoas diagnosticadas e suas famílias, exigindo monitoramento meticuloso da glicose e administração de insulina dia e noite para permanecerem vivos.

Até a descoberta da insulina, há mais de 100 anos, o diabetes tipo 1 era uma condição fatal. Apesar do papel salvador de vidas da insulina, a terapia em si é potencialmente perigosa se for administrada muito ou pouco, e a condição ainda traz complicações a longo prazo, incluindo ataque cardíaco e acidente vascular cerebral, deficiência visual, doença renal e danos nos nervos.

“Estamos muito optimistas de que este tratamento estará clinicamente disponível. Isto seria um enorme avanço na forma como a diabetes tipo 1 é tratada e acreditamos que se mostra promissor como uma melhoria fundamental na capacidade de controlar a diabetes tipo 1”, disse o Professor. Helen Thomas, líder pré-clínica do ensaio.

O ensaio humano randomizado, duplo-cego e controlado por placebo do medicamento baricitinibe monitorou a glicemia e a produção de insulina de 91 participantes ao longo de um ano. Destes, 60 receberam baricitinib e 31 receberam placebo. Todos os participantes do estudo tinham entre 10 e 30 anos de idade e iniciaram o estudo dentro de 100 dias após terem sido diagnosticados com diabetes tipo 1.






As células imunológicas são desativadas e incapazes de matar a célula produtora de insulina. Crédito: Instituto de Pesquisa Médica de São Vicente

Os participantes continuaram com a terapia com insulina prescrita durante todo o estudo. Os pesquisadores monitoraram a dose diária total de insulina dos participantes, a quantidade de insulina produzida endogenamente (pelo próprio pâncreas), os níveis de glicose no sangue e os níveis de HbA1C. HbA1c, ou hemoglobina glicada, é uma medida dos níveis médios de glicose (açúcar) no sangue nos últimos dois a três meses.

O baricitinibe bloqueia uma enzima que normalmente ajuda a transmitir sinais que regulam o sistema imunológico e a inflamação. O medicamento é atualmente prescrito para o tratamento da artrite reumatóide, outra doença autoimune. Pensa-se que o medicamento reduz de forma semelhante a resposta imunitária que é montada contra as células produtoras de insulina em pessoas com diabetes tipo 1 recentemente diagnosticada, atrasando assim o início dos sintomas completos da doença, melhorando o controlo da glicose e reduzindo o potencial de efeitos prejudiciais. efeitos sobre a saúde a longo prazo.

Mais Informações:
Baricitinibe e função das células β em pacientes com diabetes tipo 1 de início recente, Jornal de Medicina da Nova Inglaterra (2023). DOI: 10.1056/NEJMoa2306691

Fornecido pelo Instituto de Pesquisa Médica de São Vicente

Citação: O primeiro ensaio humano mundial descobriu que medicamento para artrite pode suprimir a progressão do diabetes tipo 1 (2023, 6 de dezembro) recuperado em 6 de dezembro de 2023 em https://medicalxpress.com/news/2023-12-world-first-human-trial-arthritis -droga.html

Este documento está sujeito a direitos autorais. Além de qualquer negociação justa para fins de estudo ou pesquisa privada, nenhuma parte pode ser reproduzida sem permissão por escrito. O conteúdo é fornecido apenas para fins informativos.

Portalenf Comunidade de Saúde

A PortalEnf é um Portal de Saúde on-line que tem por objectivo divulgar tutoriais e notícias sobre a Saúde e a Enfermagem de forma a promover o conhecimento entre os seus membros.

Looks like you have blocked notifications!

Comenta no Facebook

Portalenf Comunidade de Saúde

A PortalEnf é um Portal de Saúde on-line que tem por objectivo divulgar tutoriais e notícias sobre a Saúde e a Enfermagem de forma a promover o conhecimento entre os seus membros.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Botão Voltar ao Topo
Keuntungan Bermain Di Situs Judi Bola Terpercaya Resmi slot server jepang
error: Alert: Conteúdo protegido !!
Send this to a friend