Atualidade

Projetos de pesquisa-ação participativa em saúde apresentados na Escola Superior de Enfermagem de Coimbra

A Escola Superior de Enfermagem de Coimbra (ESEnfC) apresenta, esta quarta-feira à tarde, 13 projetos desenvolvidos no âmbito da segunda edição do curso de pós-graduação em Pesquisa-Ação Participativa em Saúde (PAPS).

Pesquisa-Ação Participativa em Saúde é uma formação ministrada em parceria com o consórcio científico International Collaboration for Participatory Health Research (ICPHR) e inserida no projeto Living the Future Academy (LFA), que é coordenado pela Universidade de Coimbra (UC).

Com início às 14h, nas instalações da ESEnfC em Santo António dos Olivais (Sala Maior do Polo A), a sessão de abertura desta “jornada internacional” conta com as intervenções do presidente da ESEnfC, António Fernando Amaral, e da perita em PAPS, membro do comité executivo da ICPHR, coordenadora do curso e também professora na ESEnfC, Irma da Silva Brito.

Os projetos apresentados serão, depois, sujeitos a comentários sobre a respetiva validade e sustentabilidade, por um painel de 18 especialistas de Portugal e do Brasil, em áreas como a enfermagem, a medicina, o direito biomédico, a psicologia e a ética.

De acordo com a coordenadora deste curso pós-graduado, Irma da Silva Brito, “a Pesquisa-Ação Participativa em Saúde (PAPS) é uma abordagem de pesquisa-intervenção em que a participação das pessoas em todo o processo é um imperativo democrático e tem a primazia do contexto comunitário (local)”. Ou seja, “o conhecimento é cocriado dialogicamente, incorporando múltiplas perspetivas”, noções e saberes, “garantindo autenticidade, transparência e transferibilidade”.

Irma da Silva Brito nota que “o fortalecimento da posição da PAPS, ao nível dos cuidados de saúde primários, nas instituições de pesquisa e nas estruturas de formulação de políticas, pode impactar na redução das desigualdades em saúde”.

O curso de pós-graduação em PAPS ministrado pela ESEnfC, que é também desenvolvido no âmbito do projeto estruturante PEER (Peer-education Engagement and Evaluation Research), da Unidade de Investigação em Ciências da Saúde: Enfermagem (UICISA: E), já foi frequentado por cerca de 30 estudantes (nas duas edições).

Para esta formação podem candidatar-se licenciados nas áreas da saúde (enfermagem incluída), educação, apoio e desenvolvimento social, preferencialmente gestores (ou colaboradores) de projetos de extensão ou de organizações de intervenção comunitária.

O projeto LFA, coordenado pela UC, é financiado pelo Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) e pelos Fundos Europeus Next Generation EU, designadamente no âmbito do Incentivo Adultos (investimento REC06-i03) e Impulso Jovens STEAM (investimento RE-C06-i04).

PR/HN

Outros artigos com interesse:

Source link

Portalenf Comunidade de Saúde

A PortalEnf é um Portal de Saúde on-line que tem por objectivo divulgar tutoriais e notícias sobre a Saúde e a Enfermagem de forma a promover o conhecimento entre os seus membros.

Looks like you have blocked notifications!

Comenta no Facebook

Portalenf Comunidade de Saúde

A PortalEnf é um Portal de Saúde on-line que tem por objectivo divulgar tutoriais e notícias sobre a Saúde e a Enfermagem de forma a promover o conhecimento entre os seus membros.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Botão Voltar ao Topo
Keuntungan Bermain Di Situs Judi Bola Terpercaya Resmi slot server jepang
error: Alert: Conteúdo protegido !!
Send this to a friend