Atualidade

Enfermeiros do Hospital de Vila Franca de Xira em greve esta quinta-feira

Enfermeiros do Hospital de Vila Franca de Xira, no distrito de Lisboa, vão realizar na quinta-feira uma greve, nos turnos da manhã e da tarde, para reivindicar melhores condições laborais, divulgou hoje o sindicato representativo.

A contabilização de todos os anos de serviço no Serviço Nacional de Saúde (SNS), a contratação de mais profissionais de saúde e a regulação dos horários de trabalho são algumas das reivindicações que estão por detrás da realização da paralisação, explicou à agência Lusa Isabel Barbosa, do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP).

“Nós estamos num processo de luta, aqui os enfermeiros do Hospital de Vila Franca de Xira, há já cerca de dois anos. Foi uma luta pela assinatura de dois instrumentos de regulamentação coletiva de trabalho. Conseguimos, mas há problemas que subsistem”, alertou a sindicalista.

Segundo a representante, a não contabilização de “todos os pontos/anos de serviço no SNS, para efeitos de progressão” na carreira, tem gerado “muita insatisfação”.

“O Governo e a administração não querem assumir esse compromisso. Há ali um conjunto de enfermeiros com possibilidade de progredir na carreira e neste momento essa situação não está a ser acautelada. Isso tem levado à saída dos profissionais”, criticou.

Outra das reivindicações é a transição de todos os enfermeiros especialistas para a respetiva categoria, situação que não ficou acautelada na alteração do modelo de parceria público-privada (PPP) para a gestão estatal.

No que se refere à regulação de horários, pretende-se a aplicação das 35 horas por semana a todos os profissionais: “Os enfermeiros têm horários muito violentos, com uma sobrecarga semanal tremenda. Os enfermeiros também têm vida e querem ter tempo para ter vida.”

Atualmente, trabalham no Hospital de Vila Franca de Xira cerca de 500 enfermeiros, mas, no entendimento do SEP, é um número “insuficiente para dar resposta às necessidades dos utentes”.

“Por aquilo que nós assistimos nos serviços, nos vários serviços, esse número é claramente insuficiente. A carência de enfermeiros já existia mesmo com os enfermeiros a 40 horas. Ora, se a carência já existia, esse número é claramente insuficiente”, alertou.

Contactada pela Lusa, fonte da administração da unidade hospitalar remeteu uma posição sobre a greve para mais tarde.

A paralisação de quinta-feira vai abranger os turnos da manhã (08:00 – 16:00) e da tarde (18:00-00:00).

O Hospital de Vila Franca de Xira foi inaugurado em março de 2013 para servir cerca de 250 mil habitantes dos concelhos de Alenquer, Arruda dos Vinhos, Azambuja, Benavente e Vila Franca de Xira.

O equipamento funcionou em regime de parceria público-privada pelo Grupo Mello Saúde até 2021, altura em que transitou para o modelo de entidade pública empresarial.

LUSA/HN

Outros artigos com interesse:

Source link

Portalenf Comunidade de Saúde

A PortalEnf é um Portal de Saúde on-line que tem por objectivo divulgar tutoriais e notícias sobre a Saúde e a Enfermagem de forma a promover o conhecimento entre os seus membros.

Looks like you have blocked notifications!

Comenta no Facebook

Portalenf Comunidade de Saúde

A PortalEnf é um Portal de Saúde on-line que tem por objectivo divulgar tutoriais e notícias sobre a Saúde e a Enfermagem de forma a promover o conhecimento entre os seus membros.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Botão Voltar ao Topo
Keuntungan Bermain Di Situs Judi Bola Terpercaya Resmi slot server jepang
error: Alert: Conteúdo protegido !!
Send this to a friend