Utentes marcam protesto contra degradação da saúde nos hospitais do Algarve

0 17

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

“O Algarve continua a ser uma das regiões mais afetadas pelas políticas de degradação do SNS, onde o desinvestimento público, encerramento de serviços e racionamento de meios, são marcas do ataque ao serviço”, disse à Lusa Pedro Martins, um dos elementos da comissão que promove o protesto em Portimão.

Segundo Pedro Martins, os cuidados de saúde no Algarve “têm-se degradado, ano após ano, nos hospitais e centros de saúde, perante a passividade dos responsáveis políticos”, que “nada fazem” para resolver o problema, apesar dos “constantes” alertas e reivindicações daquele movimento.

“Os serviços públicos de saúde têm piorado em quantidade e qualidade, facilitando as condições para a transferência dos cuidados de saúde para os grupos privados que operam no setor e que sobrevivem dos dinheiros públicos que são desviados do SNS”, alegou aquele responsável.

De acordo com Pedro Martins, à falta de condições de trabalho e de atendimento no hospital de Portimão, juntam-se os elevados tempos de espera para as consultas e cirurgias e “a gritante falta de médicos, enfermeiros e auxiliares, que tem motivado constantes reclamações dos utentes e dos profissionais da saúde”.

Fonte: Lifestyle Sapo

Classifica este artigo: [ratings]

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Loading
Loading...
Share This Article:

close