Atualidade

Macau vai testar grupos específicos de trabalhadores e nacionalidades

Pub

“Este plano inclui duas categorias: todos os trabalhadores das atividades de obras de remodelação, lavandarias e segurança. A segunda é composta por trabalhadores não residentes de nacionalidade nepalesa e vietnamita”, indicou o Centro de Coordenação de Contingência do Novo Tipo de Coronavírus, na conferência de imprensa diária.

O objetivo é “prevenir a propagação do novo coronavírus na comunidade”, disseram as autoridades, dado que os casos mais recentes de Covid-19 envolvem trabalhadores daquelas atividades e das referidas nacionalidades.

Assim, as comunidades vietnamita e nepalesa terão de fazer quatro testes consecutivos de ácido nucleico, em dias alternados, para “garantir que não há transmissão comunitária da Covid-19”, afirmaram.

De acordo com as estatísticas de Macau, mais de 15 mil vietnamitas e cerca de dois mil nepaleses vivem no território.

O estado de emergência imediata foi decretado em 25 de setembro, depois de a doença ter sido diagnosticada num residente de Macau oriundo da Turquia sob observação médica em isolamento, e na origem de vários casos, sobretudo seguranças no hotel designado para quarentena, de nacionalidade nepalesa.

Posteriormente, foram detetados mais casos em trabalhadores não residentes, na maioria de nacionalidade vietnamita.

Na quinta-feira, Macau concluiu uma nova ronda de testes à população, na sequência de novos casos da Covid-19, tendo testado 681.579 pessoas, todas com resultado negativo, tal como aconteceu na primeira e na segunda rondas, de acordo com as autoridades.

Desde o início da pandemia, o território registou apenas 77 casos da doença, dos quais 60 em residentes oriundos do exterior, 17 relacionados com os importados.

A Covid-19 provocou pelo menos 4.830.270 mortes em todo o mundo, entre mais de 236,66 milhões infeções pelo novo coronavírus registadas desde o início da pandemia, segundo o mais recente balanço da agência France-Presse.

Em Portugal, desde março de 2020, morreram 18.027 pessoas e foram contabilizados 1.074.109 casos de infeção, segundo dados da Direção-Geral da Saúde.

A doença respiratória é provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019 em Wuhan, cidade do centro da China, e atualmente com variantes identificadas em vários países.

LUSA/HN

Outros artigos com interesse:

Source link

Looks like you have blocked notifications!
Este artigo é Útil?

Comenta no Facebook

Portalenf Comunidade de Saúde

A PortalEnf é um Portal de Saúde on-line que tem por objectivo divulgar tutoriais e notícias sobre a Saúde e a Enfermagem de forma a promover o conhecimento entre os seus membros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
error: Alert: Content is protected !!
X
X
X
Partilha isto com um amigo