Atualidade

Sistema de reabilitação física envolve Escola de Enfermagem e Instituto Superior de Engenharia de Coimbra

Segundo a Escola Superior de Enfermagem de Coimbra (ESEnfC), o sistema que vai ser desenvolvido até 2023, cofinanciado por fundos europeus, “será um aparelho apropriado para aumentar a capacidade funcional do sistema musculoesquelético, cardíaco e respiratório, promovendo a integração de programas de exercício físico adequados à condição clínica de cada doente e, assim, contribuindo para melhorar a qualidade de vida do paciente”.

“Para este equipamento, a criar no âmbito do denominado projeto ‘ABLEFIT: Desenvolvimento de um Sistema avançado para Reabilitação’ (cofinanciado pelo programa Portugal 2020/Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional), foi constituído um consórcio multidisciplinar, liderado pela empresa de Guimarães ORTHOS XXI, que fabrica produtos ortopédicos e hospitalares, e do qual, além da ESEnfC e do ISEC – Instituto Superior de Engenharia de Coimbra, faz também parte a Wiseware, empresa de Ílhavo que se destaca em áreas como eletrónica, robótica, automação, inteligência artificial e software como serviço”, refere a fonte em comunicado.

Arménio Cruz, investigador que coordena a parceria da ESEnfC no projeto, explica, citado na nota, que o ABLEFIT “implicará o desenvolvimento de um sistema híbrido, que permitirá a realização de programas de exercícios e movimentos para os membros superiores e inferiores, com intensidades, frequências, duração e progressão adaptadas à condição do utilizador, com possibilidades de monitorização e ‘biofeedback’ dos diversos parâmetros, direcionadas à melhoria da função cardiorrespiratória, muscular e osteoarticular”.

Por sua vez, Francisco Silva, diretor-geral da ORTHOS XXI, refere, citado na mesma nota, que o projeto “contribuirá para cobrir uma lacuna na oferta atual, ao dar um contributo inovador para a recuperação física de pacientes quando estão, justamente, em situação mais debilitada”.

“A ORTHOS XXI não pode recusar este desafio, que permite conjugar e superar os horizontes tecnológicos e de ‘know-how’ da empresa, colocando-os ao serviço de um dos pilares da respetiva missão: a inovação em produtos que contribuam para a melhoria da qualidade de vida dos seus utilizadores”, remata o responsável.

O projeto “ABLEFIT: Desenvolvimento de um Sistema avançado para Reabilitação” é cofinanciado pelo COMPETE 2020, no âmbito do Sistema de Incentivos à Investigação e Desenvolvimento Tecnológico, na vertente de copromoção, com um incentivo aprovado de 800.952,84 euros, para um investimento de despesas elegíveis totais superior a um milhão de euros (1.118.335,23 euros) e tem um período de execução de 24 meses (até 30 de junho de 2023).

LUSA/HN

Outros artigos com interesse:

Source link

0 0 votes
Article Rating
Looks like you have blocked notifications!
Este artigo é Útil?

Comenta no Facebook

Portalenf Comunidade de Saúde

A PortalEnf é um Portal de Saúde on-line que tem por objectivo divulgar tutoriais e notícias sobre a Saúde e a Enfermagem de forma a promover o conhecimento entre os seus membros.

Artigos Relacionados

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Botão Voltar ao Topo
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
error: Alert: Content is protected !!
Partilha isto com um amigo