Surto em Lar de Abrantes com sete óbitos está “estabilizado”

0 5
Tempo de leitura: 2 minutos

De acordo com Manuel Jorge Valamatos, a “setorização” da instituição “resultou” e a “situação estabilizou”.

Para o autarca, a criação de duas alas para separação de pessoas positivas ao vírus SARS-CoV-2 e não positivas foi a medida que permitiu conter a propagação do surto, que já atingiu um total de 82 pessoas, na sua maioria utentes da instituição.

À Lusa, o presidente da Câmara de Barcelos deu conta dos resultados da segunda bateria de testes, conhecidos no fim de semana.

“Dos 80 profissionais que voltaram a ser testados [e que haviam dado negativo na primeira ronda de testes] tivemos quatro casos positivos, dos 45 utentes que foram testados [que também haviam dado negativo na primeira bateria de testes] nenhum deu positivo, dos profissionais que estiveram positivos e que voltaram a ser testados, há oito que recuperaram e, infelizmente, temos sete óbitos [todos utentes] e cinco pessoas hospitalizadas”, precisou o presidente da Câmara de Abrantes, no distrito de Santarém.

Além dos cinco idosos que estão internados no hospital de Abrantes, os outros utentes infetados têm “sintomas ligeiros”, sem necessidade de hospitalização, acrescentou.

No total, estão agora infetadas 65 pessoas.

“Desejamos que a situação possa normalizar rapidamente para descanso de todos e para proceder também aos processos de vacinação para que a normalidade volte à instituição”, disse ainda o autarca.

O início da vacinação contra a Covid-19 na instituição estava agendada para dia 25 de janeiro, mas os casos de infeção por SARS-CoV-2 obrigaram a adiar o processo, na sequência deste surto detetado na ERPI – Estrutura Residencial Para Idosos da Santa Casa da Misericórdia de Abrantes.

Os primeiros oito casos de infeção foram detetados no fim de semana de 24 e 25 de janeiro, em quatro utentes e em quatro funcionários.

Com as valências de Lar, centro de dia, apoio domiciliário e creche/jardim de infância, a Santa Casa da Misericórdia de Abrantes tem um total de cerca de 120 trabalhadores e 105 utentes em lar.

Segundo dados de domingo, desde o início da pandemia, o concelho de Abrantes já registou 1.435 casos de infeção, com 50 óbitos confirmados e 891 pessoas recuperadas da doença.

Desde março de 2020, Portugal já registou 14.158 mortes associadas à Covid-19 e 765.414 casos de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2. As autoridades de saúde têm em vigilância 187.440 contactos, menos 5.233 relativamente ao dia anterior. Este indicador tem também registado uma descida consistente desde o dia 30 de janeiro.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Lusa/HN

Outros artigos com interesse:

Source link

Looks like you have blocked notifications!
Queres receber as nossas notificações?
Assina a nossa Newsletter!

Assina e recebe as últimas novidades da PortalEnf!

Obrigado por assinares. Se não receberes o mail de confirmação verifica a caixa de Spam!

Something went wrong.

Deixe uma resposta

Utilizamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer funcionalidades e analisar o nosso tráfego. Ao continuar a navegar, está a concordar com a sua utilização. Aceitar Ler mais

error: Alert: Content is protected !!
Partilha isto com um amigo