Atualidade

Madeira promove ‘Open Day’ para vacinar residentes com mais de 18 anos

Pub

“No próximo dia 20 de julho, terça-feira, irá decorrer no Centro de Vacinação do Funchal (Madeira Tecnopolo) um “Open Day’ dedicado à vacina AstraZeneca”, lê-se na informação divulgada pelo gabinete do secretário da Saúde e Proteção Civil.

A mesma nota adianta que esta ação tem como alvo “todos os cidadãos, residentes na Região Autónoma da Madeira, com idade igual ou superior a 18 anos, e que ainda não foram vacinados contra a covid-19”.

Também indica que este podem desloca-se aquele centro, que funciona no Madeira Tecnopolo, entre as 09:00 e as 18:00, sem necessidade de marcação prévia, para serem vacinados.

Os residentes que pretendam outros esclarecimento podem contactar a linha dedicada à vacinação (800 210 263).

De acordo com o contador ao minuto da vacinação na região, cerca das 11:30 tinham sido administradas, desde 31 de dezembro, 261.858 vacinas contra a covid-19 neste arquipélago.

O último boletim de vacinação publicado pelas autoridades de saúde regional em 13 de julho indicavam que 43% da população residente na Madeira já tem a vacinação completa contra covid-19 e 57% fora inoculada com a primeira dose.

O último boletim sobre a situação epidemiológica na região difundido sexta-feira referiu que a Madeira registou 41 novos casos de covid-19, valor que não atingia desde março.

No dia 16 de julho de 2021, há a reportar 41 novos casos de infeção por SARS-CoV-2, pelo que a região passa a contabilizar 9.881 casos confirmados de covid-19 [desde o início da pandemia]”, referiu a Direção Regional de Saúde (DRS), em comunicado.

O arquipélago não ultrapassava a marca dos 40 casos diários desde 27 de março (41), obrigando a recuar a 15 de maio (39) e 24 de abril (34) para encontrar valores aproximados.

Ainda mencionou que o arquipélago reportou 170 situações ativas, sendo 60 são casos importados e 110 de transmissão local, estando estas pessoas a cumprir isolamento.

A DRS mencionou que no Hospital Dr. Nélio Mendonça, no Funchal, estão internados cinco doentes nas unidades polivalentes dedicadas e dois na área de cuidados intensivos.

Por seu turno, o secretário regional da Saúde madeirense admitiu que a região “poderá estar a entrar numa segunda vaga” devido ao aumento de casos de infeção por SARS-CoV-2 e internamentos na unidade hospitalar dedicada.

“Mais casos de infetados, mais internados, mais casos nos cuidados intensivos, tudo isto em 15 dias”, destacou Pedro Ramos na apresentação da segunda fase da campanha “A Pandemia ainda não acabou”, uma iniciativa do Governo Regional através do Instituto da Administração da Saúde IP-RAM.

LUSA/HN

Outros artigos com interesse:

Source link

0/5 (0 Reviews)
Looks like you have blocked notifications!
Este artigo é Útil?

Comenta no Facebook

Portalenf Comunidade de Saúde

A PortalEnf é um Portal de Saúde on-line que tem por objectivo divulgar tutoriais e notícias sobre a Saúde e a Enfermagem de forma a promover o conhecimento entre os seus membros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
error: Alert: Content is protected !!
X
X
X
Assina a nossa Newsletter!

Assina e recebe as últimas novidades da PortalEnf!

Obrigado por assinares. Se não receberes o mail de confirmação verifica a caixa de Spam!

Something went wrong.

Assina a nossa Newsletter!

Assina e recebe as últimas novidades da PortalEnf!

Obrigado por assinares. Se não receberes o mail de confirmação verifica a caixa de Spam!

Something went wrong.

Partilha isto com um amigo