“Trabalhar por turnos destrói o cérebro” – Garante um estudo Europeu

0 7.617

“Trabalhar por turnos destrói o cérebro”, esta foi a conclusão de um estudo realizado pela universidade de Toulouse (França) e de Swansea (Reino Unido).

Este estudo, publicado na revista especializada “Occupational and Evironmental Medicine”, concluiu que os horários irregulares de trabalho destroem algumas capacidades cognitivas levando a um envelhecimento acentuado e precoce do cérebro.

No trabalho realizado foram analisados um grupo de indivíduos que trabalhavam em regime de turno (rotatividade entre manhãs, tardes e noites, de forma irregular) durante 10 anos, que se reformaram em 1996, 2001 e 2006. Estes indivíduos foram comparados com outros trabalhadores com horário regulares e que terminaram a sua atividade profissional nos mesmos períodos dos anteriores.

O primeiro grupo (com horários irregulares), apresentaram problemas de memória, incapacidade de processamento rápido de informação e deterioração geral das capacidades cerebrais, quando comparados ao grupo seguinte (com horários de trabalho regulares).

Os autores deste estudo realçaram ainda nas conclusões deste estudo, que os danos atingem não só estes trabalhadores, como a sociedade. Na opinião dos investigadores, nesta situação, a segurança no trabalho é posta em causa!

O melhor da PortalEnf no teu Email...

Assina aqui a nossa Newsletter e recebe todas as novidades da PortalEnf!

Obrigado por assinar. Vais receber um mail... verifica a caixa de Spam!

Something went wrong.

Loading...
Share This Article:

close

Partilha isto com um amigo